Óleo Essencial de Alecrim QT CINEOL - ANVISA

Produto novo

  • Óleos essenciais são princípios ativos naturais proveniente de plantas naturais e aromáticas. É fundamental destacar que os óleos essenciais não devem ser utilizados puros com exceção de: melaleuca, lavanda e menta,  quando aplicados em pequenos ferimentos , queimaduras, picadas ou espinhas, não necessitam mais que uma gota do óleo essencial para tratamento. 

Informações adicionais:

  • A Engenharia das Essências não se responsabiliza pela aplicação inadequada do produto, a manipulação do produto é de inteira responsabilidade do manipulador ,  siga a orientação de um aromaterapeuta clínico. 
  • Acesse informações do lote que está sendo comercializado nas imagens (laudo técnico) e a cromatografia na descritiva do produto.

Mais detalhes

68 Itens

R$ 31,40

  • 10 ml

Ficha técnica

NCM 33012990

Mais informações

Óleo Essencial de Alecrim QT CINEOL - 100 % puro - Embalagem Vidro Ambar

Importante

  • Validade : 03/ 2023
  • ANVISA número de registro : 25351.23129/2017-36
  • Modo de usar: em massagens diluído em óleo vegetal, banhos e aromatização. Não usar puro sobre a pele.
  • Mantenha o produto fora do alcance de crianças e ao abrigo da luz e calor.  
  • Em caso de irritação , retire imediatamente o produto com água corrente, suspenda o uso e procure orientação de um profissional da saúde.

INCI Name: Rosmarinus officinallis oil - CAS Number: 8000-25-7

Origem : Marrocos - Obtenção  : Destilação a vapor das folhas  -  Família: Lamiaceae

Nomes Populares: alecrim-de-jardim; alecrim; rosmarino; labinotis; alecrinzeiro; alecrimcomum; alecrim-de-cheiro; alecrim-de- horta; erva- coada; flor-do-olimpo; rosa-marinha; rosmarinho. (LORENZI, H.; MATOS,F., 2006).

A espécie Rosmarinus officinalis L. pertencente à família Lamiaceae, apresenta em sua composição química óleo essencial rico em terpenos (cineol, pineno, canfeno, borneol, cânfora, acetato de bornila e verbenona), além de saponinas, flavonóides, ácidos nicotinamida, colina pectina, taninos, rosmaricina e vitamina C (Guenther, 1972).

Conhecida popularmente como alecrim, é originária da Região Mediterrânea e cultivada em quase todos os países de clima temperado de Portugal à Austrália. A planta possui porte subarbustivo lenhoso, ereto e pouco ramificado de até 1,5 m de altura. Folhas são lineares, coriáceas e muito aromáticas, medindo 1,5 a 4,00 cm de comprimento por 1 a 3mm de espessura. Flores azulado-claras, pequenas e de aromas forte e muito agradável (LORENZI, H.; MATOS,F., 2006). Os atributos do alecrim são tão importantes como o da Aspecula odorífera e datam do século XVII e vem da Europa Central. Diz-se que a rainha Isabel da Hungria, septuagenária e debilitada pela idade, recuperou a saúde e rejuvenesceu graças ao alecrim. 

Com flores aromáticas brancas, rosadas, lilases ou azuladas, o alecrim foi batizado de Rosmarinus ("orvalho do mar", em latim) porque crescia espontaneamente na areia das praias do Mediterrâneo. 

A fama do alecrim como planta de usos mágicos é ainda mais antiga: os gregos acreditavam que a erva só brotava na casa dos justos e os ingleses até hoje cobrem os túmulos dos heróis com ramos frescos. Feiticeiros e curandeiros medievais também usavam as folhas queimadas sobre brasa para afastar o diabo do lar.

A planta é utilizada por suas propriedades tônicas como estimulante do couro cabeludo e ainda como antiparasitário (Paris & Moyse, 1971).

O Alecrim estimula a circulação e atua como um tônico para o sistema nervoso, a pele o coração, fígado e vesícula biliar.

Refrescante, antisséptico e antibacteriano é também diurético e purificador de uso geral, possui propriedades antidepressivas e antifúngicas.

Previne e reduz espasmos, alivia a flatulência e regula a digestão. Elimina o catarro e a dor.  A nível emocional, o óleo alivia a exaustão mental e ajuda na clareza da mente.

O óleo essencial alecrim qt cineol ,  ele é menos estimulante do que o qt cânfora, sendo indicado para memória e estudos, o cineol eleva acetilcolina que é um neurotransmissor que no sistema nervoso central atua no desempenho do aprendizado e memória. O óleo essencial qt cineol é indicado para o tratamento de problemas respiratórios e pulmonares.

Aplicações dos óleos essenciais :

Aromatização: para aromatizar o ambiente, adicione algumas gotas de óleo essencial em um borrifador com água. Agite sempre antes de usar.

Massagem (aplicações tópicas): Adicione o óleo essencial em um Óleo vegetal ( carregador = óleo de girassol ou semente de uva, ou amêndoas ou outros), na média de 10 a 15 gotas para cada 100 ml de óleo vegetal.

Banhos: Dilua de  5 a 10 gotas do óleo essencial previamente em uma colher de chá de óleo vegetal carregador da sua preferência , antes de adicionar em uma banheira totalmente cheia, nunca use óleo essencial diretamente na banheira sem diluição.  

Em Cosméticos ( Aplicação e Dosagem)

Aplicação: Emulsões e géis anticelulíticos , formulações antiacne, tônicos capilares.

Dosagem: de 0,5 a 1,00%, sendo que 0,5 % para aplicações faciais e até máximo de 1,00% produtos de higiene pessoal e corporais.

Considerações Importantes

  • Não usar puro sobre a pele. Usar sempre diluído (como em óleo vegetal ou em bases cosméticas neutras).
  • Se ocorrer irritação, suspenda o uso.
  • Devido a presença 1,80 cineol (eucaliptol) em dosagens elevadas torna o óleo essencial de alecrim qt cineol proibido para crianças  com menos de 3 anos de idade pode-se usar no difusor ou em uso tópico com diluição máxima de 0,5%.  Crianças entre 3 e 6 anos de idade pode-se usar no difusor ou uso tópico em diluição máxima de 1%.
  • Desaconselhável para gestantes.

Referências Bibliográficas

  • BOORHEM, R. L. et al. Segredos e Virtudes das Plantas Medicinais. Editora Reader’s Digest Brasil Ltda, Rio de Janeiro, 416 pp., 1999.
  • BRUNETON, J. Farmagonosia, Fitoquímica. Plantas Medicinales. Ed.l ACRIBIA S.A/ Zaragosa, Espanha, 2. ed , 1099 pp., 2001.
  • MUNIZ, F.; CARDOSO, M.; SALGADO, A. P.; ZACARONI, L.; ANDRADE, M.; GUIMARÃES, L.G. Rendimento e composição química do óleo essencial de folhas frescas e secas de Alecrim (Rosmarinus officinalis L.) coletadas em dois horários. Anais 29a Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química (SBQ) / Laboratório de Química Orgânica-Universidade Federal de Lavras/ Lavras- MG. .
  • MOSS, M.; OLIVER, L. Plasma 1,8-cineole correlates with cognitive performance following exposure to rosemary essential oil aroma. Ther Adv Psychopharmacol. 2012 Jun; 2(3):103–113.
  • NEGRAES, P. Plantas Medicinais e Aromáticas: Alecrim. Publicação da ESALQ, CIAGRI, USP , ESALQ, 2000.

Comodo SSL