Vitamina B3 - DSM Pharmaceuticals

Produto novo

  • Vitamina B3 ( Niacinamida) é um pó branco extremamente fino que foi reconhecido no século XX como a vitamina que evita pelagra, uma doença epidérmica caracterizada por lesões graves cutâneas, a partir desse momento observou-se que essa vitamina aumenta a hidratação da pele , síntese de queratina e estimulava as proteínas "filagrina e involucrina”, proteínas de extrema importância para a barreira epidérmica.

Importante

1. Uso externo, não utilizar puro sobre a pele.
2. A Engenharia das Essências não se responsabiliza pela aplicação inadequada do produto, a manipulação do produto é de inteira responsabilidade do manipulador, atente-se as dosagens recomendadas e procedimentos apresentados no estudo abaixo. Insumo cosmético, produto não acabado.
3. Acesse o laudo técnico do lote que está sendo comercializado no banco de imagens.

4. Validade 01/2024

Laudo Técnico Disponível no Banco de Imagens.

Mais detalhes

60 Itens

R$ 24,40

  • 25 gr
  • 100 gr
  • 500 gr

Ficha técnica

NCM29362952

Mais informações

Vitamina B3 (Niacinamide) Produto 100 % puro

INCI: Niacinamide PC

Origem: Sintética.

Aparência: Pó Cristalino.

Vitamina B3 (Niacinamida) é uma vitamina solúvel em água, conhecida também com o nome Nicotinamida possui aparência de um pó branco extremamente fino que foi reconhecida no século XX como a vitamina que evita pelagra, uma doença epidérmica caracterizada por lesões graves cutâneas, a partir desse momento observou-se que essa vitamina aumenta a hidratação da pele, síntese de queratina e estimulava as proteínas "filagrina e involucrina”, proteínas de extrema importância para a barreira cutânea, evitando ressecamento e vermelhidão, comprovadamente melhora a textura da pele, estimulando a renovação celular.

Sabe-se ainda que a proteína filagrina desempenham função crucial na agregação de queratinócitos.

Regula a produção de sebo: para a pele acneica, a  vitamina B3 pode ser um bom aliada. Tem ação anti-inflamatória, melhora a textura da pele e auxilia na regulação da secreção sebácea, diminuindo a produção de sebo.

Reduz a pigmentação: as manchas podem surgir na pele por vários fatores. A niacinamida ajuda a prevenir e atenuar manchas causadas por hiperpigmentação, impedindo que a melanina se espalhe. Existem estudos que demonstram que a vitamina B3  mostra eficácia semelhante (porém muito mais segura) a da hidroquinona no tratamento de melasma.

Destacamos também essa vitamina promove a melhoria da pele nos processos de envelhecimento, pois essa vitamina reduz a perda de colágeno, pois estimula a produção dos fibroblastos em 20%, melhorando assim a aparência da pele.

Combate os radicais livres: de acordo com um estudo publicado no Journal of Clinical Aesthetic Dermatology, a niacinamida combate os radicais livres, ajudando a prevenir os danos causados pela radiação UV e o estresse oxidativo, aumentando a capacidade antioxidante da pele. 

Auxilia na diminuição da sensibilidade: Se você é do time das dermes sensíveis e intolerantes, é possível que a barreira da sua pele esteja comprometida. A Niacinamida pode ajudar a reduzir a perda da água, resultando em uma barreira mais grossa e forte. Até pessoas que tem rosácea podem se beneficiar nesse caso.

A aparência da acne também foi reduzida principalmente nas lesões como pápulas (elevação localizada da pele de consistência sólida que não desenvolve cicatriz) e pústulas ( elevação da pele com pus).  

Dosagem de aplicação em cosméticos: 0,50 a 5,00%

Aplicações : cremes anti-idade, tônicos e cremes hidratantes.

Importante:

  1. Solubilidade em água deionizada (hidrossolúvel).
  2. Resistente a uma ampla variação de pH 3,0 a 7,50.
  3. Suporta aquecimento até 70 a 80 graus centigrados.

Referências Bibliográficas

  • Batistuzzo.J.A.O.Itaya.M.Eto.Y.FORMULÁRIO MÉDICO FARMACÊUTICO.3ª edição.São Paulo:Tecnopress,2006.
  • Draelos ZD, Matsubara A, Smiles K. The effect of 2% niacinamide on facial sebum production. J Cosmet Laser Ther. 2006 Jun;8(2):96-101.
  • Krinsky, D.L.. et al. Natural Therapeutics Pocket Guide. 2nd ed. Hudson: APHA, 2003.