Alfa-Bisabolol , saiba mais !

Olá tudo bem por aí ?

Vocês já ouviram falar em  alfa-bisabolol  também conhecido como  óleo de candeia nesse pequeno texto vamos falar um pouquinho dos benefícios dessa maravilha.

O alfa-bisabolol está cada vez mais sendo utilizado na área cosmética por ser um produto para cuidado da pele “rosto e corpo”  ,  principio ativo , que é encontrado na árvore candeia, nativa da mata atlântica brasileira.

 Entre suas  muitas propriedades podemos citar :  as anti-inflamatórias, anti-sépticas, bactericidas, antimicóticas e cicatrizantes, portanto indicado em casos de pequenas lesões cutâneas, inflamações leves e queimaduras.

Alfa Bisabolol é um álcool sesquiterpênico monocíclico insaturado obtido da destilação direta do óleo de candeia  (Vanilos mopsis erytropapa),  tem sido empregado  como ingrediente ativo de certas formulações, sendo que uma das suas propriedades também é impedir a penetração de cercárias de Schistosoma.

Além de ajuda no processo de bloquear as moléculas , remove  as machas da pele   auxilia no  controle da acne em loções, cremes e pomadas para o uso do tratamento além de minimizar a irritação da pele.

Já na questão de cicatrização reduz em até 25%,  o tempo da cicatrização de algumas lesões caudas por queimaduras;  pode na higiene pessoal em formas de creme dental,  limpeza de pele como lenço de maquilantes “lenço umedecido” entre outros produtos similares de limpeza de pele, como lenços de limpeza de bebês .

Imagem ilustrativa.

    Caraterísticas principais produto 

Aparência do alfa-bisabolol é um liquido oleoso de cor transparente .

Aroma é doce, espécie de floral amadeirado.

Produto natural.

Não contêm farnesol.

 

 

Um abraço, Beatriz Rocha.

Esperamos você em nossa loja virtual.

Aromaterapia e Aromacologia no bem estar do dia a dia.

De volta ao assunto de memórias e a ciência de odores clique aqui, pudemos observar como os odores estão intimamente ligados ao nosso bem estar e as nossas memórias olfativas, mas como podemos usufruir de maneira benéfica no nosso bem estar? O olfato é um dos sentidos mais potentes que temos, quando inalamos óleos essenciais,  as células olfativas são estimuladas e repassam para o sistema límbico (centro emocional do cérebro), as propriedades de cada óleo essencial estimulando diferentes sistemas em nosso cérebro…pensando nisto é que surge a aromaterapia muito conhecida no mundo atual, que consiste no conjunto de técnicas de aplicação de óleos essenciais para obter efeitos terapêuticos (físicos ou emocionais), entre essas técnicas podemos citar:  a difusão aérea, massagem, banhos, fricção, compressas, escalda pés, pulverização, inalação e sauna facial entre outras.

Agora vamos conversar um pouquinho sobre aromacologia,  termo utilizado para definir efeitos psicológicos e fisiológicos das fragrâncias naturais( óleos essenciais)  ou sintéticas( essências), explorando as relações existentes entre os compostos aromáticos e os estados de espírito que eles estimulam em nosso bem estar diferentemente da aromaterapia, a aromacologia não se propõe a aplicações terapêuticas, dedicando-se principalmente as questões sensoriais.

Para entendermos melhor cito aqui um exemplo: quando compramos um xampu para cabelos oleosos a essência de menta (produto sintético) está ligado sensorialmente a função refrescante, mas não fisicamente a ação deste dependeria de um princípio ativo como óleo essencial de menta que poderia
estar ou não presente na fórmula, sabemos que o óleo essencial de menta tem a função de regular a produção sebácea e caspa, e também poderia proporcionar odor refrescante, outro exemplo seria os aromatizantes de ambiente cuja a função principal é proporcionar bem estar ao ambiente, em sua maioria estão presentes as essências.

No próximo post concluiremos a ciência dos odores falando dos óleos essenciais e das essências sintéticas.

Até lá,

Inês Martins